Pesquisar este blog

MPB - Google Notícias

Quem Somos?


 A Rádio Campinarte na verdade é um blog com o objetivo de divulgar, promover e na medida do possível gerar renda para os artistas (músicos) em particular do Terceiro Distrito de Duque de Caxias no Rio de Janeiro.
Um blog com cara de rádio, notícias do mundo do rádio, cantores do rádio.Um blog que tem como uma de suas principais bandeiras os novos talentos sem esquecer dos grandes nomes da música popular brasileira de todos os tempos; sem esquecer os pioneiros, os baluartes, os verdadeiros ícones da era de ouro do rádio. Fazemos isso para que esses novos talentos não percam de vista nossas referências musicais que até hoje são veneradas mundo a fora - uma forma que encontramos de dizer um MUITO OBRIGADO àqueles que nos proporcionaram (e continuam proporcionando) com suas vozes, suas músicas, momentos de paz e alegria. Uma maneira de agradecer a todos que ajudaram a compor as trilhas sonoras de milhões e milhões de pessoas.
Este blog irá gradativamente estreitar os seus laços com as Rádios Comunitárias que desenvolvem um papel importantíssimo em nossos bairros.
A Rádio Campinarte tem (fundamentalmente) um compromisso com a qualidade e o bom gosto / e qualidade e bom gosto nos vamos pinçar nos nossos bairros, o que nós queremos mesmo é fazer jus ao nome: RÁDIO CAMPINARTE - O SOM DAS COMUNIDADES.

Nenhum texto alternativo automático disponível.
CLIQUE NAS IMAGENS E OUÇA OS NOSSOS ESPECIAIS

  
   

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

domingo, 12 de outubro de 2014

Campinarte De Volta no Tempo / Luiz Vieira





BIOGRAFIA DE LUIZ VIEIRA, PARA O MUSEU DA TELEVISÃO BRASILEIRA
Luiz Rattes Vieira Filho é o nome completo do cantor e compositor Luiz Vieira. Ele nasceu em 12 de outubro de 1928, em Caruaru, estado de Pernambuco. Após perder a mãe, muito cedo, o menino foi criado pelo avô, no distrito de São Gonçalo, no Rio de Janeiro. Seu dom artístico apareceu muito cedo.

Ele talvez tenha tido a influência de sua mãe, uma portuguesa de Trás-os Montes, que era cantora lírica e participava de cerimônias religiosas em igrejas. O pai de Luiz era advogado e jornalista. Ele queria que o filho seguisse sua trajetória, o que levou o rapaz a cursar Direito. Formou-se bacharel, mas nunca exerceu a profissão. Queria mesmo é arte. Tanto que lutou muito para ter suas primeiras participações em rádio. Ia semanalmente de Alcântara, sub-distrito de São Gonçalo ao Rio de Janeiro, trajeto em que levava quase três horas, para tentar um lugar ao sol. Queria cantar no programa do Zé do Norte.

E graças a sua persistência, num dia em que os cantores contratados e fixos de programa fizeram greve e faltaram, o rapazinho foi chamado e cantou. Saiu-se bem. E aí passou a fazer parte da equipe. A mesma sorte teve Luiz Vieira no cabaré Novo México. Ali também ele ia várias noites e numa delas, o cantor faltou. Foi a chance de Luiz Vieira ser chamado a cantar. Nem ele sabia explicar porque suas músicas viravam moda. Seu primeiro sucesso foi uma toada: "Menino de Braçanã". Depois fez uma guarânia: "Güarânia da Lua Nova". Depois um xote:"Estrada de Calumbandê", e depois um prelúdio: "Prelúdio para Ninar Gente Grande". Este foi seu maior sucesso. Cantado de norte a sul do Brasil, foi gravado por inúmeros outros cantores. O mesmo aconteceu com a música: "Paz do Meu Amor" , adorada por todos os brasileiros. Ele aparecia no programa "Espetáculos Tonelux" e ali batalhava tanto contra a seca do nordeste, que acabou sendo preso, seu apartamento vasculhado, e suas coisas reviradas. Enquanto outros cantores se refugiaram em países da Europa, Luiz Vieira foi pros grotões do Brasil.

Do Rio de Janeiro, Luiz Vieira foi para São Paulo, contratado primeiro pela TV Record, depois TV Excelsior, TV Tupi. Teve programas de grande audiência. Teve mais de 500 músicas gravadas por ele e por dezenas de outros cantores, como Sérgio Reis, Hebe Camargo, Elba Ramalho, Zizi Possi, Fagner, Rita Lee, Maria Bethânia, Agnaldo Timóteo, Caetano Veloso, Moacyr Franco, e outros.
Luiz Vieira cantou nas Rádio Record, Rádio Tupi, Rádio Nacional. E hoje está na Rádio Carioca, no Rio de Janeiro.
Luiz Vieira é cognominado: "Príncipe do Baião," ou Advogado do Nordeste" ou " Menino Passarinho." Para muitos, Luiz Vieira é o maior cantor do Brasil.

Seguidores

Ouça grátis as 100 maiores músicas do Jazz

Ouça grátis as 100 maiores músicas do Jazz
Clique na imagem

22 de Novembro é dia de Santa Cecília...

Padroeira dos músicos, por isso hoje também é comemorado o dia do músico. O músico pode ser arranjador, intérprete, regente e compositor. Há quem diga que os músicos devem ter talento nato para isso, mas existem cursos superiores na área e pessoas que estudam música a vida toda.
O músico pode trabalhar com música popular ou erudita, em atividades culturais e recreativas, em pesquisa e desenvolvimento, na edição, impressão e reprodução de gravações. A grande maioria dos profissionais trabalha por contra própria, mas existem os que trabalham no ensino e os que são vinculados a corpos musicais estaduais ou municipais.
A santa dos músicos
Santa Cecília viveu em Roma, no século III, e participava diariamente da missa celebrada pelo papa Urbano, nas catacumbas da via Ápia. Ela decidiu viver casta, mas seu pai obrigou-a a casar com Valeriano. Ela contou ao seu marido sua condição de virgem consagrada a Deus e conseguiu convence-lo. Segundo a tradição, Cecília teria cantado para ele a beleza da castidade e ele acabou decidindo respeitar o voto da esposa. Além disso, Valeriano converteu-se ao catolicismo.

Mito grego
Na época dos gregos, dizia-se que depois da morte dos Titãs, filhos de Urano, os deuses do Olimpo pediram que Zeus criasse divindades capazes de cantar as vitórias dos deuses do Olimpo. Então, Zeus se deitou com Mnemosina, a deusa da memória, durante nove noites consecutivas. Nasceram dessas noites as nove Musas. Dessas nove, a musa da música era Euterpe, que fazia parte do cortejo de Apolo, deus da Música.
Fonte: UFGNet

Rádio MEC AM

CONTOS NO RÁDIO