Homenageado do mês de Novembro / Paulinho da Viola / Paulo César Batista de Faria - 12/11/1942 Rio de Janeiro, RJ / Compositor. Cantor. Instrumentista..

Campinarte Dicas e Fatos / O nosso jornal falado

MPB - Google Notícias

Quem Somos?


 A Rádio Campinarte na verdade é um blog com o objetivo de divulgar, promover e na medida do possível gerar renda para os artistas (músicos) em particular do Terceiro Distrito de Duque de Caxias no Rio de Janeiro.
Um blog com cara de rádio, notícias do mundo do rádio, cantores do rádio.Um blog que tem como uma de suas principais bandeiras os novos talentos sem esquecer dos grandes nomes da música popular brasileira de todos os tempos; sem esquecer os pioneiros, os baluartes, os verdadeiros ícones da era de ouro do rádio. Fazemos isso para que esses novos talentos não percam de vista nossas referências musicais que até hoje são veneradas mundo a fora - uma forma que encontramos de dizer um MUITO OBRIGADO àqueles que nos proporcionaram (e continuam proporcionando) com suas vozes, suas músicas, momentos de paz e alegria. Uma maneira de agradecer a todos que ajudaram a compor as trilhas sonoras de milhões e milhões de pessoas.
Este blog irá gradativamente estreitar os seus laços com as Rádios Comunitárias que desenvolvem um papel importantíssimo em nossos bairros.
A Rádio Campinarte tem (fundamentalmente) um compromisso com a qualidade e o bom gosto / e qualidade e bom gosto nos vamos pinçar nos nossos bairros, o que nós queremos mesmo é fazer jus ao nome: RÁDIO CAMPINARTE - O SOM DAS COMUNIDADES.


CLIQUE NAS IMAGENS E OUÇA OS NOSSOS ESPECIAIS

  
   

O SHOW DO COMÉRCIO DO CAMPINARTE

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Negra_0001.wmv


Imagens de belas mulheres para ilustrar uma maravilhosa música de um compositor que merece todo o nosso respeito, carinho e admiração - Irineu de Palmira.

terça-feira, 23 de novembro de 2010

De volta no tempo com Simone

Resultado de imagem para Simone
Simone Bittencourt de Oliveira, conhecida apenas como Simone desde o primeiro LP gravado até os dias atuais o talento então descoberto é expressado pela espontaneidade, o dom natural, sem qualquer registro de passagem por escolas de música ou aulas de canto. Marcada por um acentuado sotaque baiano, que o tempo nunca apagou.
Conhecida por uma presença em palco carismática, caracterizada entre outras pelo tradicional traje branco, altura incomum e porte atlético -- e o famoso gesto ao mesmo tempo religioso e generoso de abrir os braços no formato de uma cruz, contemplando gestualmente algumas canções.

Cordilheira



Gota D'Água



O que será



Canoa canoa

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Galeria de Fotos do Blog

sábado, 25 de setembro de 2010

Sta. Cruz da Serra / Raulzito’s Bar - Tributo a Legião Urbana

As poderosas lentes do nosso Observatório Comunitário captaram sábado (25 / 09) - no Raulzito's Bar o tão aguardado Tributo a Legião Urbana C/ Darlan Castro e Banda.
Como era previsto a casa (logo cedo) foi tomada pelos fãs que vieram de todos os lados...
Um público que não mede distância para reverenciar uma das mais importantes bandas de rock do Brasil. Veja algumas imagens.
 

 
 
 
 
  Avenida Automóvel Club, 546 / Próximo a Masterson

sábado, 18 de setembro de 2010

Gil: "a maconha me acompanhou até pouco tempo"

Álbum lançado em 1968 1. Frevo Rasgado 2. Coragem Pra Suportar 3. Domingou 4. Marginália II 5. Pega a Voga, Cabeludo 6. Ele Falava Nisso Todo Dia 7. Procissão 8. Luzia Luluza 9. Pé da Roseira 10. Domingo no Parque 11. Barca grande 12. A coisa mais linda que existe 13. Questão de ordem 14. A luta contra a lata ou A falência do café
 
O cantor e ex-ministro da Cultura, Gilberto Gil, revelou que consumia maconha até pouco tempo atrás. Gil fez essa declaração nas gravações de um documentário que será exibido pelo Biography Channel, no próximo dia 15. Nos anos 70, o cantor chegou a ser preso, durante a turnê dos Doces Bárbaros - show histórico com Caetano Veloso, Gal Costa e Maria Bethânia - porque numa revista de uma blitz, acharam um pouco de maconha com ele.
O cantor afirmou que na temporada em que ficou exilado em Londres, consumiu muitos ácidos, mas que, para ele, só a maconha serve como uma "flanela na lente sentimental e musical". "Toda vez que eu fumava, desembaraçava alguma coisa", afirma Gil, sobre os efeitos da erva.
No livro Todas as Letras organizado por Carlos Rennó, Gil comenta sobre a letra de Abra o Olho (1974): "Sou eu pondo colírio nos olhos depois de ter fumado um cigarro de maconha, em Manaus".

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Quem não passasse pelo Café Nice, não fazia sucesso

Ai, que saudade me dá
Do bate-papo, do disse-me-disse
Lá do Café Nice, ai, que saudade me dá
(Nilton Carlos e Isolda, Café Nice)

Símbolo de uma época de ouro para a música brasileira, durante 26 anos o Café Nice foi ponto de encontro de compositores, músicos e cantores no Rio. Pixinguinha, Benedito Lacerda, Guerra Peixe, Raul de Barros, centenas de outros. Transcreviam melodias, orquestravam, consertavam métricas e melodias. Deixavam e recebiam recados, fechavam contratos, compunham, vendiam e compravam música. Compositor e cantor que não passasse por lá dificilmente emplacaria composições ou renovaria repertório.Inaugurado em 18 de agosto de 1928, na Avenida Rio Branco, 174, esquina com Bittencourt da Silva, fechou em 1954. Mesas na calçada. Dentro, um ambiente para chás, bebidas finas; outro, para cafezinhos e médias com pão e manteiga. Era a “bolsa de valores” de nossa música popular.
Janaina Abreu

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

O que há de melhor pelas comunidades - Banda Perímetro J


A Banda Perímetro Jota esteve presente com toda sua galera na Igreja Batista Nova Jerusalém no evento - Ministros de Louvor, Verdae ou Hipocrisia, ministrado por Ney Silva lider da banda. Foi maravilhoso.Um abraço a todos da Banda Perímetro Jota, Louvando ao Senhor dos senhores sempre. (Texto e fotos / Banda Perímetro J)

Anos 60... Bossa Nova

Os anos 60 do século passado consagraram a bossa nova. Época dos primeiros shows de bolso, em pequenas casas, proporcionando intimidade total entre público e artista. Vinicius de Moraes sobe pela primeira vez ao palco, na boate Au Bon Gourmet, Rio, no show Encontro.
Comovente e antológico, o show reuniu pela primeira vez Tom Jobim, Vinicius de Moraes, João Gilberto e Os Cariocas, numa produção de Aloísio Oliveira.
Naquela noite de 2 de agosto de 1962, a nata da bossa nova lançava Garota de Ipanema, Só Danço Samba, Ela É Carioca, Insensatez, Samba do Avião, parcerias de Vinicius e Tom; e Samba da Bênção, de Baden Powell e Vinicius.
Um bate-papo em rimas introduziu a inédita Garota de Ipanema e o convite para João Gilberto cantar e emprestar a nova batida do violão para enfeitar a vocalização de Os Cariocas, composto por Badeco, Luís Roberto, Severino Filho e Quartera.
O show Encontro ficou em cartaz por seis semanas e a bossa nova ganhou o mundo.

Janaina Abreu

terça-feira, 6 de julho de 2010

Memória / “Não tem pátria o povo que não canta na sua língua”


O cearense Alberto Nepomuceno foi nosso primeiro compositor com revolucionárias intenções nacionalistas. Nascido em 6 de julho de 1864, mudou aos 8 anos para o Recife e, adulto, para o Rio. Estudou na Europa.No fim do século 19, passa a lutar pelo nacionalismo musical. Critica composições cantadas em alemão, francês e italiano, comuns na época. Cria um lema: “Não tem pátria o povo que não canta na sua língua.” Compõe sobre versos de Machado de Assis, Gonçalves Dias, João de Deus, Osório Duque Estrada. Leva a língua portuguesa para os salões de concerto. Na suíte Série Brasileira, baseada em temas folclóricos, polemiza ao incorporar o reco-reco à orquestra.Segundo Mário de Andrade, foi responsável pelas “primeiras conformações eruditas do novo estado de consciência coletivo que se formava na evolução social da nossa música, o nacionalista”.

Seguidores

Ouça grátis as 100 maiores músicas do Jazz

Ouça grátis as 100 maiores músicas do Jazz
Clique na imagem

22 de Novembro é dia de Santa Cecília...

Padroeira dos músicos, por isso hoje também é comemorado o dia do músico. O músico pode ser arranjador, intérprete, regente e compositor. Há quem diga que os músicos devem ter talento nato para isso, mas existem cursos superiores na área e pessoas que estudam música a vida toda.
O músico pode trabalhar com música popular ou erudita, em atividades culturais e recreativas, em pesquisa e desenvolvimento, na edição, impressão e reprodução de gravações. A grande maioria dos profissionais trabalha por contra própria, mas existem os que trabalham no ensino e os que são vinculados a corpos musicais estaduais ou municipais.
A santa dos músicos
Santa Cecília viveu em Roma, no século III, e participava diariamente da missa celebrada pelo papa Urbano, nas catacumbas da via Ápia. Ela decidiu viver casta, mas seu pai obrigou-a a casar com Valeriano. Ela contou ao seu marido sua condição de virgem consagrada a Deus e conseguiu convence-lo. Segundo a tradição, Cecília teria cantado para ele a beleza da castidade e ele acabou decidindo respeitar o voto da esposa. Além disso, Valeriano converteu-se ao catolicismo.

Mito grego
Na época dos gregos, dizia-se que depois da morte dos Titãs, filhos de Urano, os deuses do Olimpo pediram que Zeus criasse divindades capazes de cantar as vitórias dos deuses do Olimpo. Então, Zeus se deitou com Mnemosina, a deusa da memória, durante nove noites consecutivas. Nasceram dessas noites as nove Musas. Dessas nove, a musa da música era Euterpe, que fazia parte do cortejo de Apolo, deus da Música.
Fonte: UFGNet

Rádio MEC AM

CONTOS NO RÁDIO